segunda-feira, 5 de setembro de 2016

CRISE POLÍTICA: Da vizinha Guiné-Conakry, chega hoje um ministro de Estado em representação da CEDEAO, mais três outros dignatários da sub-região. JOMAV não tem escapatória. AAS