sexta-feira, 9 de setembro de 2016

DELINQUÊNCIA E DITADURA: JOMAV mandou fazer 5.000 camisolas na Cardográfica para plantar inocentes nas estradas, e está a enfeitar as avenidas com bandeiras da Guiné-Bissau, tudo para receber três chefes de Estado que, até parece, vêm em visita de Estado. Eles, pelo contrário, conhecem-no bem, de ginjeira. JOMAV é um ditador implacável, sem remorsos, um presidente perigoso, odiado pelo seu Povo e que vai acabar mal, mas muito mal. Como tal, deve ser levado a sério! Esta 'visita' vai servir para lhe puxarem as orelhas mas ele, coitado e desfasado da realidade, como qualquer ditadorzeco que se preze tenta passar outra mensagem. Vai-te embora, presidente, que o teu segundo mandato limitar-se-á a Calequisse - e é se conseguires lá chegar... Vá para o raio que o parta, mais os membros mancos e ladrões do seu 'governo'. Disse. AAS