segunda-feira, 19 de setembro de 2016

ENERGIA: O contrato TEMPORÁRIO que se tornou...vitalício!!!


DC está ja na posse do contrato TEMPORÁRIO entre o governo guineense e a AGREKKO, cujo contrato terminou em Outubro de 2015 — altura em que se escolheria um novo fornecedor com base num concurso público Internacional, que aconteceu e foi ganha pela norte—americana SoEnergy. Assinado por FLORENTINO MENDES PEREIRA, o mesmo que, curiosamente e de repente, deu-he para morrer de amores pela AGREKKO...o ministro não sabe o que significa TEMPORÁRIO!!!

Só uma pergunta: QUE EMPRESA FORNECE GASÓLEO E ÓLEO à EAGB para a central??? Acertaram? Um doce!!!

O próprio antigo e novo diretor da EAGB, Rene Barros, informou à SoEnergy que o contrato assinado não tinha validez por não ter garantia bancaria do governo - do próprio governo!!! - no dia 8 de Julho, 2016. René Barros ASSINOU o contrato lesivo para o Estado guineense com a AGREKKO...

Cá está: